\\ Texto Redação
\\ Fotografia

Schiaparelli

Os quimonos usados em casa pela fundadora Elsa Schiaparelli são a inspiração da colecção de Primavera-Verão 2017 da maison Schiaparelli. A geometria perfeita da modelagem, quase esquecida devido aos tecidos, cores, estampas e texturas, transforma-se em grafismos pop que vão do romântico Jean Cocteau ao sexy Guy Bourdin. Entre os símbolos, os mais marcantes são o buraco de fechadura em jeito de decote, corações perfurados e sóis, que se tornam o centro das atenções. Uma versão do vestido-lagosta, imortalizado por Wallis Simpson em 1937, e as referências a armaduras de samurai fazem também parte desta colecção que põe em evidência as influências orientais e a pureza, através da leveza dos tecidos e cortes, e das linhas roubadas à arquitetura.

PARTILHAR O ARTIGO \\