Villa Tirana

Família e arte

\\ Texto Maria Amélia Pires
\\ Fotografia ©Andrea Martiradonna

Situada na Albânia, numa zona residencial conhecida como Rolling Hills Luxury Residences, composta por 122 moradias de luxo, rodeadas pelas colinas verdes do sudeste de Tirana, a Villa Tirana é o resultado de um trabalho conjunto de um atelier de arquitetura local, EGO Architecture di Egest Goxhaj & Partners, com o Studio Marco Piva, responsável pelo design de interiores. Adaptado ao modus videndi e pretensões do cliente, o projeto, ainda que privilegie as áreas íntimas, contempla áreas sociais requintadas e valorizadas por obras de arte.

Um casal com três crianças pretendia uma habitação essencialmente para a intimidade familiar. Por esse motivo, no piso principal as divisões foram minimizadas, recorrendo, não a paredes, mas a mobiliário, vidro e a tetos falsos, favorecendo assim a vida em conjunto. Além de hospedar as áreas destinadas à vida diária, como a entrada, as salas e a cozinha, o piso térreo também compreende um quarto de hóspedes. O andar de baixo alberga um escritório, outro quarto de hóspedes, a lavandaria e uma sala de lazer. O quarto principal e os dois quartos das crianças estão situados no primeiro andar, reservado exclusivamente à intimidade da família.

Um pavilhão externo situado ao lado da piscina é destinado a convidados, com uma casa de hóspedes. Um caminho externo leva ao Spa e à adega. O pavilhão estende-se através de uma colunata, albergando também uma galeria de arte.

Uma vez que as paredes da casa principal exibem, igualmente, muitas obras de arte, a iluminação foi meticulosamente estudada e toda a decoração foi pensada de modo a que a arte ganhasse protagonismo.

PARTILHAR O ARTIGO \\