Bragança Perto

Hernâni Dinis Venâncio Dias

Presidente da Câmara Municipal de Bragança

Convido-o a descobrir um dos mais bem guardados segredos de Portugal e da Europa e que começa, agora, a ser revelado: Bragança.

Estrategicamente situada entre Portugal e Espanha, Bragança beneficia do melhor de dois países. As suas gentes são hospitaleiras como não encontra em mais nenhum lugar, com um sorriso e uma palavra amiga, que recebem de braços abertos como se fosse um velho conhecido ou da família. Conte, aqui, sempre, com uma porta aberta.

Dos tachos e potes sai o melhor dos paladares, e pode apostar que, à sua mesa, terá sempre pratos da gastronomia mais requintada e, ao mesmo tempo, mais simples, que só mãos sábias e conhecedoras de segredos ancestrais podem confeccionar.

A nossa história surge espelhada em cada uma das nossas igrejas ou monumentos, e encontra o seu apogeu na Cidadela de Bragança, onde o nosso belo Castelo assume o protagonismo, partilhado com a Domus Municipalis e com a Igreja de Santa Maria. Em cada rua, garanto-lhe, vai encontrar um pormenor que o cativará.

Mas nem só de história e de passado vive esta cidade, a nona mais antiga do país. Temos orgulho na modernidade e no dinamismo que temos imprimido em Bragança. Desde a nossa riqueza intelectual e profissional, de que fazem parte os jovens formados no Instituto Politécnico de Bragança, classificado como o melhor do País, às nossas infraestruturas, como o Parque de Ciência e Tecnologia – Brigantia Ecopark ou as zonas industriais, preparadas para acolher e ajudar as empresas a singrar e a levar o nome de Bragança aos maiores e melhores mercados mundiais.

Passeando pelas nossas ruas vai poder, também, perceber que somos uma cidade inteligente, com aposta em soluções que fazem de nós um exemplo para o resto do País e da Europa. Temos uma comunidade participativa, que se envolve nos projetos comuns e da Cidade. Temos a natureza no seu estado mais pleno e puro, com os rios de águas límpidas que correm livremente entre o verde das nossas terras ou as montanhas de onde parece avistar-se todo o resto do Mundo.

Aventure-se neste nosso imenso e belo território e comprove, no terreno, se tenho ou não razão. De certeza que vai querer voltar.

 

PARTILHAR O ARTIGO \\