Centro Empresarial da Lionesa

O futuro começa agora

\\ Texto Redação
\\ Fotografia Direitos Reservados

O Centro Empresarial da Lionesa inicia este ano um projeto de expansão.

Nascido em 2002 com o objetivo de dar vida a um espaço que outrora foi uma indústria têxtil, o Centro Empresarial da Lionesa inicia este ano um projeto de expansão, sempre com a mesma premissa subjacente: uma visão de futuro sustentada, a preservação da memória arquitetónica e infraestruturas multifacetadas, flexíveis e dinâmicas.

Este projeto, da autoria do arquiteto António Leitão Barbosa, vai transformar o Centro num dos maiores do país, aumentando a atual área para mais de 100 mil m2 até 2025 e acolhendo uma comunidade empresarial de mais de 10.000 pessoas. A nova zona desportiva encetará a expansão e incluirá oito campos de padel, um campo de ténis e dois campos de futebol. Esta área incluirá ainda um corredor verde, projeto municipal, que fará a ligação entre a Lionesa e a zona costeira, fazendo a conexão dos Caminhos de Santiago. Nos próximos anos, construir-se-ão novos edifícios com a assinatura de vários arquitetos, onde serão albergados um hotel, residências empresariais/universitárias e uma área dedicada ao empreendedorismo, bem como novas áreas de restauração, serviços e comércio. Na reta final, avança-se para a construção de um novo parqueamento, um vaivém suspenso por carril e, rompendo com a horizontalidade, uma torre de 25 pisos, capaz de representar a inovação, a criatividade e simbolizando o desejo de crescimento.

PARTILHAR O ARTIGO \\