Pearl Bay Residence

Abraço de Sol e Mar

\\ Texto Maria Amélia Pires
\\ Fotografia Adam Letch

De um lado, o verde intenso de uma reserva natural, do outro, o mar que se estende até onde a vista alcança. Entre estes dois mundos, a Pearl Bay Residence, uma casa de sonho, erigida num local também ele quimérico, descrito pelo arquiteto do projeto como «um lugar glorioso»: na costa oeste da África do Sul, 90 km a norte da Cidade do Cabo.
Pretendia-se uma casa que funcionasse, de imediato, como segunda habitação, mas com todas as acomodações de uma casa padrão; que se voltasse para o oceano; e que cumprisse um orçamento limitado. Inspirado pela paisagem da costa oeste e suas casas brancas, que lembram o Mediterrâneo, e ultrapassando as barreiras da morfologia do terreno, o gabinete de arquitetura australiano Gavin Maddock Design Studio (GMDS) optou habilmente por uma estrutura retangular de 600 m2 dividida em dois andares, com espaços de vivência no exterior. A residência é composta por três quartos, quatro casas de banho, salas de estar e jantar generosas, uma galeria, escritório, decks, terraços e varandas, quase todos com vistas de mar.

Todos os elementos contribuem para um fluxo contínuo entre os espaços e para uma conexão ininterrupta entre o interior e o exterior.

 

A verticalidade do edifício, a galeria que une os dois blocos, o branco das paredes, as lajes de betão, a abundância de vidro e as texturas contribuíram para um fluxo contínuo entre os espaços e para uma conexão ininterrupta entre o interior e o exterior. Também os interiores, da autoria do mesmo gabinete, foram pensados para satisfazer os níveis de comodidade. As cores, as texturas, a lareira, os ladrilhos de granito proporcionam privacidade e conforto e, simultaneamente, a sensação de se estar no exterior. É como se o mar e o sol se espreguiçassem pela casa e a abraçassem languidamente?

PARTILHAR O ARTIGO \\