Villas&Golfe International Cup

Uma primeira etapa desafiante

\\ Texto Maria Manuel Freitas
\\ Fotografia João Cavadas

A primeira etapa do circuito Villas&Golfe International Cup não podia ter começado melhor. No dia 24 de outubro, numa manhã que se antevia cinzenta e chuvosa, o sol chegou a brilhar para os cerca de 70 participantes do torneio, que se apresentaram no Vidago Palace Golf Course com boa disposição e vontade de jogar o desafiante campo par 72, de 18 buracos, com tees e greens exigentes que se destacam também pela envolvência dos tons outonais da paisagem. De beleza ímpar e repleto de história, o campo do Hotel Vidago Palace está em perfeita comunhão com a natureza. O torneio, jogado na modalidade de Stablefor Net, individual, teve como principais patrocinadores a Rangel e a Zenith, contando também com parceiros de setores distintos. Os oito prémios ? 1.º Net, 2.º Net, 3.º Net, 1.º Gross, 2.º Gross, 3.º Gross, Longest Drive e Nearest to the Pin foram ganhos por Martim Guedes, César Oliveira, Tiago Osório, Adelino Ribeiro, Russell Latapy, João Ranito, Benedita Mendes Ribeiro e Manuel António Gonçalves Silva, respetivamente.

A Villas&Golfe, como é seu apanágio, fez questão de receber os seus convidados com distinção, oferecendo-lhes um Welcome Drink, a que se seguiu um almoço buffet. Depois concretizou-se a habitual entrega de prémios e um sorteio que fez com que, mais do que uma competição, a primeira etapa do circuito Villas&Golfe International Cup fosse um momento lúdico, de convivência salutar e, sobretudo, de grande elegância e bem receber.

A segunda etapa deste circuito terá lugar a 21 de novembro, no campo dos Mangais, na Barra do Cuanza, em Angola.    

PARTILHAR O ARTIGO \\