Maison&Objet Paris

Portugal na 'Cidade Luz'

\\ Texto Maria Amélia Pires
\\ Fotografia Direitos Reservados

Apresentando-se como um mosaico de tendências, o evento é também uma plataforma onde se mostram novos talentos.

Mais do que uma feira comum, a Maison&Objet Paris é um pólo de atracção de todos os profissionais do universo do design, do décor, da casa e da arte. Apresentando-se como um mosaico de tendências, o evento é também uma plataforma onde se mostram novos talentos, sendo um verdadeiro ponto de referência internacional.

Tendo o «silêncio» como tema central nesta edição de Janeiro de 2017, a Maison&Objet Paris, realizada no Parc des Expositions de Paris-Nord Villepinte, trouxe espaços projectados por Elizabeth Leriche e Vincent Grégoir, além de uma área dedicada ao francês Pierre Charpin, eleito o designer do ano.

Com um alto grau de representatividade, Portugal apresentou o que de melhor se faz nas várias áreas do evento, que teve nesta edição cerca de 3 mil expositores e 70 mil visitantes. 

Portugal esteve presente com mais de uma centena de expositores, mostrando que o made in Portugal é garantia de qualidade.

Exemplo disso foi a presença do designer Marco Sousa, que apresentou, entre outros, o Cask, da Porto Collection, um espelho inspirado nos barris de Vinho do Porto transportados pelos barcos rabelos e que remete para a história do néctar e da cidade. A Luxxu, marca de referência de Iluminação de luxo, também esteve presente no certame, expondo peças sofisticadas, como as McQueen, inspiradas no designer Alexander McQueen, ou a The Liberty Collection.

De igual modo, a Memoir, nova marca de mobiliário, brilhou ao apresentar-se com peças que se afirmam pela intemporalidade, feitas de modo artesanal e com os melhores materiais. Por sua vez, a Duquesa & Malvada, marca de design que combina elementos urbanos e conceitos de luxo, deu a conhecer peças que vão desde os estofos até ao mobiliário de design, passando ainda pela iluminação. Também a designer Luísa Peixoto, em parceria com a ADN Aquarium, apresentou uma linha de aquários totalmente personalizáveis, como a consola Myriad com aquário integrado.

Muitas mais marcas portuguesas estiveram presentes na «Cidade Luz», perfazendo cerca de 108, mostrando que o made in Portugal é garantia de qualidade, criatividade, inovação, tecnologia e responsabilidade ambiental e social.

PARTILHAR O ARTIGO \\